REFORMANDO!

Publicado: novembro 1, 2017 em Uncategorized

Nesta última semana acabamos de comemorar os 500 anos da Reforma Protestante.

Foram milhares de comemorações no Brasil e no mundo. Fiéis de todas as nações comemoraram esse feito grandioso que influenciou especialmente o ocidente em todas as áreas que podemos imaginar.

Martinho Lutero foi ousado e corajoso! Ele não conseguiu lutar contra a sua consciência e preferiu lutar contra as distorções e os caminhos errados da doutrina deixada pelo Senhor nas Escrituras. O que Lutero fez foi voltar às origens, para o lugar da onde jamais qualquer fiel poderia ter saído, ele voltou para a doutrina dos apóstolos da igreja primitiva. Sim, suas 95 teses foram um combate bíblico das sérias distorções que os homens vinham cometendo com relação à doutrina e aos princípios estabelecidos por Deus na Sua maravilhosa Palavra.

Na verdade, eu gosto de dizer que também sou católico. Aliás, foi afirmando isso para um católico romano muito querido que eu consegui ser ouvido numa interlocução sadia e prazerosa onde pude falar um pouco sobre a História da Igreja e o Senhor me usou na vida daquele meu interlocutor que saiu com uma visão completamente diferente sobre o assunto.

Sim, eu gosto de dizer também que o Senhor Jesus deixou uma igreja católica, única e universal, e que fora estabelecida sobre uma confissão maravilhosa, de Pedro, que colocou o Salvador como a Pedra Angular, que fundamenta todo o Cristianismo. Pois é, pode parecer infantil, mas Cristianismo vem do Cristo, que prometeu edificar a Sua Igreja e que jamais as portas do inferno prevaleceriam sobre ela.

Mas o que me causou espécie nesses dias foi muito mais o fato de que a enormidade de féis com suas denominações e instituições focaram extremamente no ato comemorativo, nos 500 anos em si, muito mais do que na significância da Reforma e da maneira que estamos hoje como igrejas “reformadas”. Sempre entendi que uma CASA REFORMADA é uma casa onde todos os seus defeitos conhecidos foram objeto de conserto. Uma casa reformada é uma casa que fora dada como pronta para a utilização segura e confortável para o qual ela fora edificada e numa segunda fase reformada.

Concluo, achando rigorosamente que é muito mais fácil de nos reformarmos com relação aos outros do que fazê-lo em relação a nós mesmos! Concluo, achando que está nos faltando “monges” que nos ajudem a nos REFORMAR de nós mesmos, porque o momento que estamos vivendo não é de uma pressão externa contra nós, mas de algo introjetado, de algo que está acontecendo em nosso meio e que, a rigor,  não está nos angustiando ao ponto que angustiou o querido reformador Martinho Lutero!

Fico pensando naquela frase do famoso personagem Chaves: Quem poderá nos salvar? A REFORMA PROTESTANTE aconteceu pela angústia de homens que não ousaram lutar contra a sua consciência! E a REFORMA EVANGÉLICA que estamos precisando em nosso meio? De onde surgirão esses corajosos? Não seria eu? Não seria você?

Que o Senhor nos desafie e nos ajude a mais uma vez voltar para o lugar da onde novamente jamais deveríamos ter saído!

Soli deo gloria!

Pr. Élio Morais

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s