PENSANDO DIREITO

Publicado: janeiro 27, 2017 em Uncategorized

pensando-direitoO ser humano é prodigioso em pensar! Pensamos rápido, pensamos muitas coisas, pensamos o que é útil e necessário, mas, infelizmente, pensamos infinitamente mais naquilo que NÃO deveríamos pensar. Nossa mente poderá ser uma grande aliada, mas poderá ser também nossa maior inimiga – tudo vai depender da forma como a governamos!

Infelizmente, uma maioria esmagadora de pessoas tem a tendência de pensar sempre no pior e naquilo que jamais gostaria que acontecesse! Por mais contraditório que isso nos pareça, dentro do nosso homem interior há um emaranhado de dúvidas e medos que nos paralisam, tiram a nossa paz, nos angustiam, e nos influenciam em decisões e posturas que, infelizmente, não nos trazem nem um pouco de benefício!

De fato, nós somos o resultado dos nossos pensamentos, afinal é com eles que vivemos, ou convivemos, e são eles que determinam todo o nosso procedimento. Indiscutivelmente somos, sim, o resultado daquilo que pensamos! Os nossos pensamentos determinarão as nossas atitudes e seremos movidos em direção àquilo que nossa mente está pensando e nos apresentando! No mundo africano, por exemplo, em culturas animistas, os feitiços são muito eficazes, porquanto o povo acredita piamente no poder deles, e acaba sendo vitimado não pelo ato em si, mas, pelo que a mente produziu em decorrência de se acreditar em tudo aquilo.

Uma das maiores e melhores certezas que temos no misterioso mundo da nossa mente é que o inimigo da nossa alma NÃO CONHECE os nossos pensamentos, isso é um fato! Contudo, se os maus pensamentos (“dardos inflamados do maligno”) que surgem em nossas mentes nos transformam, mudam o nosso comportamento, e geram decisões e atitudes, então, a partir daí fazemo-nos conhecidos e tornamo-nos presas cada vez mais fáceis para aquele que veio “….para roubar, matar e destruir nossas almas”.

Nas Escrituras Sagradas lemos muito sobre mentes e pensamentos, e concluímos que muitas pessoas têm sido escravizadas por esse mal, porque desconhecem o que já foi revelado por Deus para nós, e de tudo o que se está escrito, provavelmente, a maior exortação que temos é a do apóstolo Paulo, em Filipenses, capítulo 4, verso 8, quando ele diz: “Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento”.

Somos exortados a levar todo o nosso pensamento cativo à obediência de Cristo e, ao fazermos isso, o mesmo apóstolo Paulo nos assegura: “…a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus”.

Finalizando essa breve reflexão, quero citar ainda o famoso escritor Norman Vincent Peale, que disse em um de seus livros: “Sua mente é um instrumento destinado a servi-lhe e não a destruí-lo. Mude seus pensamentos e você mudará seu mundo”.

Que os nossos pensamentos sejam aliados verdadeiros e, jamais, nossos inimigos e que a paz de Deus guarde nossas mentes e corações. Amém!

Pr. Élio Morais

Anúncios
comentários
  1. Milton Santos disse:

    Muito boa a reflexão. Como é maravilhosa e prodigiosa a nossa mente! Recurso que quando sabiamente utilizado nos traz paz e contentamento. Parabéns pastor. Foi muito oportuna a reflexão. Deus o abençoe.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s