Esperança, não dá para tê-la senão na pessoa do Senhor Jesus!

Publicado: outubro 27, 2016 em Uncategorized

mensagens-evangelicas-mensagens-evangelicas-de-esperanca-38Nunca o mundo precisou tanto de algo ou Alguém que lhe pudesse dar ESPERANÇA! Nas Escrituras o assunto é tema recorrente e traz frequente e rigorosamente a ideia de que não há possibilidade de existir ESPERANÇA de fato e de verdade se o objeto dela não for a pessoa do Senhor e Salvador Jesus Cristo. Entendo que, ao final, numa conclusão óbvia e coerente nos aperceberemos que a verdadeira esperança é o ato ou o efeito de AGUARDARMOS respostas, acontecimentos, e ou, situações que nos trarão felicidade, alegria de viver, satisfação, plenitude, gozo, segurança, estabilidade, e nada disso poderá estar relacionada com coisas dessa vida, porquanto, a Palavra de Deus, nos fala com absoluta clareza sobre a transitoriedade da nossa existência ao defini-la como um “conto ligeiro”, como uma “neblina” ou “névoa” ou “fumaça” ou ainda como uma “sombra”, que logo passa de nós.

Ora, se a nossa vida, que é o que mais valorizamos, passa tão ligeiramente diante de nós, então, o objeto da nossa ESPERANÇA deve ser algo ou Alguém que transcenda qualquer coisa que esteja relacionada com a transitoriedade das coisas e com o que existe na esfera do humano, do que se vê, do que se pode tatear, e é aí que entra o nosso Deus, na pessoa do Senhor Jesus Cristo: ELE DEVE SER A NOSSA ESPERANÇA!

A propósito, o salmista, no Salmo 39 quando faz essa pergunta absolutamente retórica: “E eu, Senhor, que espero? Tu és a minha esperança”? (7) Ele o faz imediatamente depois de fazer uma citação sobre a brevidade desta vida, veja: “Com efeito, passa o homem como uma sombra; em vão se inquieta; amontoa tesouros e não sabe quem os levará”. (6) Não é sem motivo que o apóstolo Paulo nos fala em sua carta aos Romanos, no capítulo 8, verso 24, o seguinte: “Porque, na esperança, fomos salvos. Ora, esperança que se vê não é esperança; pois o que alguém vê, como o espera”? Aqui está absolutamente claro de que ESPERANÇA está intrinsecamente vinculada à , e esta, como já sabemos, é dom de Deus a fim de que possamos durante todo o tempo da nossa existência nos relacionar com Ele na perspectiva de que “…Ele existe e é galardoador dos que O buscam.”

A máxima é: Ou levaremos ESPERANÇA para o mundo ou o mundo perecerá num terrível desespero aqui nesta vida e depois na eternidade. E aqui, querido leitor, as minhas pernas tremem só de pensar sobre a responsabilidade que temos sobre os nossos ombros (nós os que já fomos alcançados com a BENDITA ESPERANÇA). Falhar nesse quesito é assumir o ônus de permitir que milhares e milhares de pessoas sofram aqui e no tempo vindouro as consequências da ira de um Deus que providenciou ESPERANÇA para o perdido e o fez da maneira mais dolorosa, porém, a única que eficazmente estabelece a paz entre a criatura e o Criador, a morte do Seu inocente FILHO UNIGÊNITO como pagamento pelos nossos pecados. O Justo trazendo ESPERANÇA para os injustos.

Que sejamos verdadeiros portadores desta ESPERANÇA, afinal, eu e você vivemos por ela!

Que Deus nos abençoe!

Pr. Élio Morais

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s